A “translation as a Service” da Unbabel chega ao Microsoft Dynamics 365

7 min read

A partir de hoje, os utilizadores do Microsoft Dynamics 365 para Atendimento ao Cliente podem integrar a tradução diretamente no seu fluxo de trabalho. Para isto têm apenas de se ligar à solução da Unbabel, agora disponível no Microsoft AppSource. Graças à nossa mais recente integração de apoio ao cliente, as empresas que usam o Microsoft Dynamics 365 para fornecer Apoio ao cliente poderão agora entender e ser compreendidas pelos seus clientes em até 28 idiomas.

Num mundo onde quase 75% dos utilizadores da Internet não falam inglês, isto permite que as marcas globais possam finalmente abordar os seus clientes nos seus próprios idiomas. As mensagens que entram e saem do Dynamics 365 serão traduzidas automaticamente por meio de uma combinação de inteligência artificial e uma rede de mais de 50.000 tradutores humanos.

Simplificando: é mais fácil atender clientes em todo o mundo com a integração da Unbabel com o Dynamics 365 para o Atendimento ao Cliente. A “Translation-as-a-Service” da Unbabel é uma boa opção para empresas de vendas, tecnologia, viagens, empresas de crescimento rápido e empresas globais.

Sona Vaish Venkat, Gerente Geral de Intelligent SaaS da Microsoft, explica:
“É fácil subestimar o quanto os clientes são sensíveis aos detalhes de como se comunica com eles e, mesmo nos melhores momentos, isso pode afetar a relação entre as duas partes. Mas em momentos cruciais, como vendas e atendimento ao cliente, é de uma importância fundamental que se mantenha uma clareza nativa ”.
“Aplicações empresariais inteligentes como o Dynamics 365 foram construídas de tal forma que qualquer empresa pode resolver este problema através da Unbabel e para isso basta pressionar um botão. Isto resulta na criação de uma era não só nova mas de significante relevância para este tipo de aplicações. É também algo que os clientes da Microsoft podem esperar ver muito mais no futuro ”.

A Unbabel tem trabalhado em estreita colaboração com a Microsoft desde há algum tempo, trabalhando com a equipa do Skype na formação do mecanismo de tradução em tempo real, participando no acelerador de expansão em Londres e recebendo financiamento do seu braço de capital de risco, M12, na sua ronda recente da Série B.

O Marketplace da Unbabel agora oferece dezenas de integrações em ferramentas de marketing como o WordPress, o Marketo e o Adobe Experience Manager para outros produtos focados no cliente, como o Salesforce, o Zendesk e o Help Scout.

Para saber mais sobre a mais recente parceria da Unbabel com a Microsoft, fomos conversar com o próprio chefe, o CEO Vasco Pedro:

Perguntas e respostas com o presidente da Unbabel, Vasco Pedro

Vasco Pedro presenting Unbabel
Então, Vasco, explica-nos porque é esta notícia tão importante.

Existem muitas empresas que estão limitadas ao mercado onde são fundadas e talvez a outro que o inglês lhes oferece. Por essa razão, a sua expansão para novas regiões é lenta. Parte da razão para isto acontecer, prende-se com o serviço de atendimento ao cliente.

Geralmente este serviço requer um investimento bastante grande – contratar um grande número de agentes de atendimento ao cliente (antes mesmo de saber se o volume de trabalho justifica este investimento). Também se começa a receber perguntas sobre o produto / serviço. Fica sempre uma sensação incómoda: se oferecêssemos apoio, geraríamos volume suficiente? Entretanto, está-se a oferecer um atendimento ao cliente que é, fundamentalmente, mau.

Fizemos um teste, contactamos algumas das equipas de atendimento ao cliente das maiores empresas em diferentes idiomas e foi incrível quantas empresas responderam em inglês. Em alguns casos, utilizavam o Google Tradutor, talvez até para traduzir a frase: “Não compreendo a sua questão.”

Então, estás a dizer que há uma oportunidade real aqui para as empresas se anteciparem à concorrência e abraçarem novos mercados?

Toda esta ideia de dissociar o idioma do agente de atendimento ao cliente ainda é relativamente nova. Foi feito em bases de conhecimento com algo semelhante ao Zendesk. Mas fazê-lo quase em tempo real significava que tinha de se contratar pessoas para esta tarefa.

O “as-a-service” é um dos aspetos fundamentais de como fazemos a aproximação à tradução. Acreditamos que a tradução como serviço deve ser incorporada diretamente nas ferramentas e fluxos de trabalho utilizados por companhias e empresas de crescimento rápido todos os dias. Não deveria ser algo que é apenas mais um passo no processo. Deve ser algo construído diretamente no resto do processo.

Quando tivermos sucesso, para a maioria das pessoas no mundo, a tradução efetivamente desaparecerá.

Como é tratada esta situação na mente da maioria das empresas neste momento?

Bem, com razão, muitas das empresas com quem falamos não estão a pensar em tradução. A questão que põem é como podem oferecer um excelente atendimento ao cliente. Como fazer isso, quais são as oportunidades emergentes – e, igualmente importante, como dimensionar este serviço?

É aí que as empresas percebem que a tradução não é um pesadelo em que se tem de balançar tradutores lentos e caros ou utilizar o Google Translate, que é rápido, mas incrivelmente impreciso. É uma oportunidade para agregar valor ao atendimento ao cliente e para isso basta carregar num botão.

Antes disso, os problemas típicos de que falam são “idioma de baixo volume” – algo que não justifica uma contratação em tempo integral. Por isso, contratam apoio em part-time para determinados idiomas. Mas existem alturas em que se registam picos, pensemos em agências de viagens em particular. De repente, são necessárias várias pessoas que falam francês já que é essa comunidade que está a reservar as suas férias. E depois vem o alemão. E depois outro idioma.

Isso muda fundamentalmente quando se pode simplesmente ativar os 28 idiomas para toda a equipa de atendimento existente – o que é exatamente o que fazemos na Unbabel, todos os dias.

Torna-se mais meritocrático também porque permite contratar 100% de pessoas pela sua capacidade de lidar com o cliente, em vez de ter de basear essa decisão no facto, relativamente arbitrário, de que essa pessoa fala uma determinada língua.

Em particular, como faz o Dynamics 365 para Atendimento ao Cliente parte deste cenário?

A dinâmica deve ser o serviço que mais cresce na sua área. Há uma espécie de escoadouro para isso, já que a Microsoft está a alinhar os incentivos para o pessoal de vendas e, além disso, a construir um poderoso ecossistema. Quando falei com Satya Nadella em janeiro, era precisamente nisso que se estavam a concentrar, tanto em Redmond, como em todo o mundo.

Têm um ótimo produto, mas percebem tão bem quanto nós o quão importante é permitir que o software seja ligado diretamente ao sistema e agregar mais valor para os clientes.

É por isso que estamos muito satisfeitos por ser a primeira integração de tradução na plataforma e abrir a porta para uma melhor prestação do serviço de atendimento ao cliente para todos os clientes da Microsoft.

Queres saber como a tua equipa também pode beneficiar da capacidade de fornecer traduções perfeitas, dimensionáveis e de confiança? Sabe mais sobre a Integração da Unbabel com o Microsoft Dynamics 365.

Ou entra em contacto diretamente com a nossa equipa e solicita uma demonstração.

ArtboardFacebook iconInstagram iconLinkedIn iconUnbabel BlogTwitter iconYouTube icon